Fox Trader X
Anuncio
Politica

Governador exonera secretários e anuncia novos titulares; confira nomes

Na Secretaria de Mineração, Petróleo e Energias, que estava sob a gestão do deputado ai Wilson Brandão, quem assume o cargo de secretário é diretor de Energias Renováveis Howzembergson de Brito Lima.

06/09/2019 20h58Atualizado há 2 semanas
Por: Redacao
Fonte: cidadeverde.com
585
Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com
Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com

O governador Wellington Dias (PT) exonerou os seis secretários de governo que deixaram as pastas para reassumir mandatos enquanto deputados estaduais na Assembleia Legislativa do Piauí. No ato, publicado no Diário Oficial do Estado do dia 5 de setembro, o governador nomeia novos secretários para assumir os cargos.

 

Em algumas pastas, os nomes são os mesmos que assumiram a gestão no período eleitoral, quando os deputados tiveram que se afastar do Executivo para realizar campanha eleitoral.

 

Cultura

 

Com a volta do deputado Fábio Novo (PT) para a Alepi, quem assume a Secretaria de Estado de Turismo é a diretora de Unidade de Administração Financeira, Bid Lima.

 

Assistência Social

 

Com a exoneração de José Santana (MDB), quem assume a pasta da Assistência Social, Trabalho e Direitos Humanos é sua esposa, Ana Paula Mendes.

 

Fundação Hospitalar

 

Exonerado, o deputado Pablo Dantas passa a presidência da Fundação Estatal Piauiense de Serviços Hospitalares (Fepiserh) para o diretor financeiro da fundação, Welton Luiz Bandeira de Sousa.

 

Infraestrutura

 

A deputada Janaína Marques deixa a gestão da Secretaria de Infraestrutura com o superintendente de obras e serviços da Seinfra, Deusval Lacerda de Moraes.

 

Mineração

 

Na Secretaria de Mineração, Petróleo e Energias, que estava sob a gestão do deputado ai Wilson Brandão, quem assume o cargo de secretário é diretor de Energias Renováveis Howzembergson de Brito Lima.

 

Turismo

 

O deputado Flávio Nogueira Júnior deixa mais uma vez a gestão da Secretaria de Turismo sob o comando da empresária Carina Thomaz Câmara, diretora executiva na secretaria.

 

Os seis parlamentares retornaram à Assembleia para brigarem por indicação de emendas no Orçamento 2020 e na votação do empréstimo de R$ 1,5 bilhão para obras de infraestrutura.

 

A chegada surpresa dos deputados causou um alvoroço na casa e respingou no Palácio de Karnak.

 

A previsão é que os "secretários deputados" fiquem até dezembro e janeiro retornam as pastas. 

 

 

 

Valmir Macêdo
[email protected]

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários