Anuncio
Policia

Acusado é condenado a 30 anos de prisão por matar professor para roubar moto

Professor Landel Lima Franklin foi morto em 2017 em São Pedro do Piauí.

07/08/2019 18h32Atualizado há 4 meses
Por: Redacao
Fonte: cidadeverde.com
388
Foto: Redes Sociais
Foto: Redes Sociais

Foi condenado por latrocínio a 30 anos de prisão o réu Mauro Lúcio da Silva. A condenação vem quase dois anos após o assassinato do professor Landel Lima Franklin, 22 anos na época, morto após uma tentativa de assalto na zona rural da cidade de São Pedro do Piauí, a 107 km de Teresina.

A ação foi do juiz da Vara Única da Comarca de São Pedro, Francisco das Chagas Ferreira e foi publicada no último dia 5 de agosto. Nos cálculos da justiça, a pena-base para Mauro Lúcio é de 24 anos. De acordo com o juiz, o fato de Landel não ter entregado a moto no momento do assalto não justifica sua morte. “O comportamento da vítima em nada contribuiu para a prática do crime”, reforça a decisão.

Em quase dois anos de processo judicial, o caso conta com depoimentos detalhados de testemunhas e até mesmo com um par de sandálias laranja como prova da presença dos réus no local do crime. 

A moto de Landel não chegou a ser roubada, ainda assim a Justiça compreende o crime como latrocínio.

A defesa alegou que não há provas suficientes para condenação apontando falhas nas provas das testemunhas mas o juiz tem certeza do envolvimento de Mauro na morte de Landel.

“Ficou evidenciado que não há dúvida sobre autoria, as testemunhas são coesas em apontar fatos que provam a autoria”, afirma o juiz na sentença.

O outro suspeito envolvido na ação, identificado como Alex Santana da Silva foi preso no Maranhão pouco mais de um mês depois do crime. Na época, a Polícia Civil informou que Alex confessou o crime. Preso, ele disse que estava sob efeito de entorpecentes e que o comparsa, Mauro Lúcio, havia efetuado o disparo. Alex foi condenado a 22 anos de prisão em abril deste ano.

O crime

Segundo a sentença, o crime ocorreu por volta das 21h do dia 25 de setembro de 2017. O professor estava conduzindo sua motocicleta na estrada que liga a cidade de São Pedro ao povoado Todos os Santos quando foi perseguido e abordado pelos assaltantes que estavam em outra moto.

 A dupla de assaltantes teria anunciado o roubo. A vítima tentou fugir quando foi atingida pelo disparo e caiu da moto.

O irmão de Landel, Aldo Lima Franklin, ouviu o tiro. A mãe de ambos ainda recebeu uma ligação do professor que pediu socorro. Ao chegarem no local, Landel ainda estava com vida e teria dito que “uns caras tinham me perseguido e tentado me assaltar”, relata a ação do juiz. O professor foi levado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Valmir Macêdo
[email protected]

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários